skip to Main Content
(54) 99153-1904 aearv@aearv.com.br
DSC 0553

Bernardo Tutikian reforça o papel da engenharia no desempenho das cidades

Para o engenheiro, palestrante do II Congresso Estadual AEARV, apostar em novas tecnologias e respeitar as exigências dos usuários é fundamental para o futuro das construções

 

“Por que garantir o desempenho nas cidades?”. A pergunta parece simples, mas para Bernardo Tutikian, palestrante do II Congresso Estadual AEARV, o questionamento implica em ações amplas e intensas por parte dos profissionais. Segundo o engenheiro, é fundamental apostar em novas tecnologias para que os projetos se tornem cada vez mais completos e cumpram com sua função, tanto de acordo com as determinações técnicas, quanto para atender as necessidades dos usuários.

Na palestra “Novas Tecnologias para Garantir o Desempenho das Cidades”, Tutikian ressaltou pontos importantes da NBR 15575/2013. Segundo ele, esta é a primeira norma que olha para as exigências do usuário ao longo dos anos. Desempenho acústico, desempenho térmico, resistência ao calor, estabilidade dos materiais e estanqueidade estão entre os pontos a serem observados nas construções com mais atenção. “As pessoas estão mais exigentes e preocupadas com os espaços urbanos. Precisamos contribuir com essa tendência, mas não vamos confundir desempenho com conforto”, pontua.

Definir o comportamento do sistema da edificação e de seus componentes e promover a melhor relação de consumo com o mercado estão entre as determinações da NBR 15575. Além disso, a norma enfatiza as responsabilidades e incumbências dos envolvidos. “Os tópicos da NBR em questão são ainda recentes, mas precisam ser cumpridos. As exigências dos usuários precisam, sem exceção, estar nos projetos, independentemente dos seus materiais constituintes e do sistema construtivo utilizado. A responsabilidade é dupla, para as pessoas e os profissionais”, comenta.

 

Back To Top